Derawan Islands

Derawan Islands

Derawan island praiaOs restantes dias foram passados no nosso ilhéu privado em Derawan Islands a aproveitar os 33 graus e a privacidade deste paraíso. Ler, fazer Yoga, relaxar depois de um ano de trabalho, muito muito duro.

O Tomás foi mergulhar e teve a sorte de ver uma manta linda, são as vantagens do mergulho num paraiso como as Derawan Islands

E claro snorkeling para ver muitas tartarugas.

Há noite descobrimos um centro de preservação de tartarugas e passamos as noites com os rangers a patrulhar as praias à espera que as tartarugas viessem colocar os ovos na praia.

Depois recolhe-se os ovos, enterra-se num sitio seguro e 4 semanas depois nascem tartarugas que são colocadas diretamente no mar.

Assim evita-se que os ovos sejam comidos pelos predadores, pelos homens mal-intencionados e os bebés que se percam no caminho para o mar ou pelas gaivotas.

Conseguimos ver 2 tartarugas uma que pôs objetivamente ovos e outra que entanto fazia o buraco levou com um coco na cabeça e fugiu.

É algo que vale mesmo a pena ver, o esforço da tartaruga é gigante neste processo, a pergunta do meu filho no final da noite foi. E o marido? Bem os maridos das tartarugas são bastantes inúteis.

E a mãe deixa aqui os filhos e vai embora? É verdade a mãe nunca chega a ver os filhos, isto sim é emancipação rápida.

No último dia acordamos com uma mega tempestade parecia que os nossos bungallows iam abaixo, fomos buscar os miúdos ao quarto do lado e voltamos às tarefas antigas: ler jogar, cartas e olhar pela janela a ver se continuava a ser seguro estar ali. O mar estava assustador e o pior não era isso, amanhã temos que voltar de barco para Kalimantu, com este mar ninguém se atreve.

Mas a meio da tarde o vento começa a acalmar e ainda conseguimos ir à praia um pouco.

Nessa ultima noite comemos no nosso Warung favorito e passeamos pela ilha uma ultima vez, a ver as brincadeiras das crianças e como se metem connosco.

Vai deixar grandes saudades esta ilha que é um tesouro ainda escondido, que se mantenha muitos anos assim.

Derawan Islands

Dormir em cima do mar é das melhores coisas que existem, amo mesmo, e isso em Derawan Islands é possivel por 20€ por noite impressionante não?

Acordo e dá vontade de ficar horas na cama só a ouvi e o mar.

Vamos tomar o pequeno almoço, no alpendre e apesar de o pequeno almoço para mim ser demasiado local ( noodles e nasi goreng parece- me demais logo de manhã. Enquanto tomamos o pequeno almoço, mais de 6 tartarugas vieram desejar- nós os bons dias é isto um paraíso ou não?

Vamos então para a nossa história do tour de snorkeling pelas Derawan Islands perto o Dani é bastante agradável e o seu barco bom o suficiente.

Primeira ilha Maratua island, é um verdadeiro paraíso uma ilha com água cristalina à volta e vazia.

Derawan Island

 

A fazer mergulho vimos logo uma tartaruga e um mar a 33 graus para mim claramente encontrei o paraíso.

A seguir fomos para Kakaban mais uma ilha magnifica com um lago no centro com medusas que não picam, porque como não têm predadores nesse lago; que perdeu com o tempo o contacto com o mar, já não picam e podes mergulhar entre elas,

Confesso que é algo não muito agradável ver as bichas em nossa direção e são às centenas.

Derawan Islands

 

Eu e o David claramente não nos apaixonamos por esta atividade, ao contrário os outros andavam loucos entre as medusas.

Naturalmente fizemos snorkelling também e em menos de 3 minutos já tínhamos 3 tartaruga à nossa frente.

É claramente a tartaruga land.

Podem ver uma no you tube – https://www.youtube.com/watch?v=BYOuWk0W0Uc

Ultima ilha  Sangalaki a ilha das Mantas, não tivemos a sorte de ver uma, mas o jardim de coral é lindo e a diversidade de peixe impressionante.

Depois de um belo dia de snorkeling acabamos a tarde num banco de areia só para nós para relaxar na praia, o que se pode querer mais?

Não só a biodiversidade é magnifica, como as pessoas são impressionantes.

Derawan islandsHá tão poucos turistas que nos param a cada 5 metros para tirar fotos, todos são agradáveis e sempre a sorrir.

Olhando para este local muçulmano muitos deviam de ver como os estereótipos nunca são verdade.

Aqui são todos agradáveis, felizes e com uma abertura única.

Claro que tudo por gestos porque o inglês claramente não reina aqui.