Tangkoko reserve

Não há uma parte do meu corpo que não me doa isto de subir vulcões, fazer rafting, fazer uma noturna para ver Tarsier e uma madrugada para ver animais numa reserva natural dá o resultado de me doer todas as partes do meu corpo sem exceção.

O meu PT ficaria muito orgulhoso pois o nível de exercício físico que fiz nestes últimos 5 dias … tem sido demaisIMG_5395 (480x640).

Ainda em Tomoho fizemos rafting – 10 km o que não é pouco e sem paragens no meio, o rio era maravilhoso e com muitos rápidos para desfrutar. Os miúdos adoraram a adrenalina do rafting e no dia a seguir queriam fazer outra vez, claro não foram eles a remar.

Depois fomos para a reserva de Tangkoko uma aldeia perdida no meio do nada que nem hotéis há, apenas Homestays, ficamos na Tarsier homestay mesmo em frente à reserva natural que no fundo era o nosso objectivo para vir aqui a esta aldeia perdida no mundo.

A reserIMG_5444 (640x480)va é gigantesca e claro que não está cá para facilitar; os animais gostam mesmo de me prejudicar, para ver os tarsiers é ao final do dia, perfeito às 16h30 lá fomos nós, mas poderia ficar ali à entrada do parque mas não temos que andar durante 1 hora para os ver, claro que depois compensa imenso pois são uns macaquinho mínimos lindos há 2 sítios no mundo ara os ver, aqui e nas Filipinas e nós já vimos nos dois.

Mas a experiência aqui é bem mais divertida, há muitos e ficamos junto à sua árvore à espera que eles acordem para sair para caçar e conseguem ver-se a uma curta distância.

Experiência maravilhosa.

No dia a seguir o objetivo é explorar a reserva e tentar ver os restantes animais, mas temos que sair às 5h30 da manhã, porquê? É quando os animais estão mais ativos, não podiam ficar ativos às 11 por exemplo?

Assim lá acordamos com os galos, literalmente pois desde as 4 da manhã insistiam a cantar ao desafio por baixo da nossa janela e lá fomos à descoberta de animais; os miúdos acham que estamos loucos de sair ainda de noite à procura de animais.

Mas em poucos minutos a alvorada compensa pois apanhamos logo uma grupo gigante de macacos pretos, que nos deixam aproximar bastante e nos deixam apreciar, caminhamos durante 6 horas, mas vimos 3 grupos de macacos, o famoso Kingfisher, 2 vezes Kuskos ( um familiar do Koala), serpente; Tocanos, e muitos mais pássaros.

Apesar do cansaço confesso que foi uma visita maravilhosa e as fotos espero que demonstrem isso.

Quando chegamos às 11 horas estamos ko, mas muito satisfeitos, tomamos pequeno-almoço e arrastamo-nos para a praia … os miúdos não sei como recarregaram as pilhas em menos de 10 minutos na praia… como é bom ser novo… eu ainda depois da praia me arrasto de um lado para o outro.

Hoje é garantido que será ver um filme e ir para a cama, imagino que os galos nos vão querer mostrar os seus dotes vocais outra vez às 4 da manhã.

 

IMG_5440 (640x480)

North Sulawesi

A ilha de Sulawesi é bem diferente da sua irmã Bali, poucos turistas, tudo mais rustico, não são hinduístas, mas sim católicos e muçulmanos; por isso até parece que estamos num país diferente.

Brown Sugar
Brown Sugar

Começamos a nossa visita de Sulawesi a não fazer nada numa villa alugada no norte de Manado, com um staff 100% indonésio que nos fazia umas refeições maravilhosas.

Depois fomos para o Cocotinos um hotel ao sul de Manado onde nos dedicamos ao mergulho, um paraíso o parque marinho de Bunaken, com muito peixe, tubarões e tartarugas.

Hot Springs
Hot Springs

O snorkelling é difícil pois as correntes são muitas e as prioridades dos barcos sempre os que fazem mergulho e não snorkelling, o que me obrigou a ficar um dia exausta na água mais de 20 minutos.

Depois de praia e relax viemos para a montanha explorar a estranha cidade Tomohon, ficamos num hotel 100% de montanha, com casas de madeira e dedicamo-nos a visitar os vulcões , sendo que um deles entrou em atividade e a qualquer momento se espera uma erupção, logo esse não o podemos subir, mas apenas admirar de longe.

Vulcão em actividade
Vulcão em actividade

A população de Tomohon também é algo sui generis pois comem tudo o que tem patas o que confesso que não é algo que me agrade e que me deixa bastante desconfortável. O mercado de Tomohon é o reflexo de isso onde se vende cães, gatos, morcegos, ratazanas para comer, claro que eu nem consegui entrar em tal massacre e só de saber fico mal disposta.IMG_5324 (640x480)

Claro que o sórdido do meu marido foi ver e ainda tentou contar-me, dispenso … Acredito piamente que olhos que não veem coração que não sente e se não posso fazer nada para alterar prefiro manter-me longe.

Grean Lake
Grean Lake

Os dias passamos em vistas aos Vulcões e ao seu espaço envolvente, descoberta dos lagos e as hot springs que são sempre um bom momento de relax.

Brown Sugar
Equilibrio Indonesio

Os miúdos tiveram ainda a experiência de pescar com os locais num dos lagos em que o David em pouco tempo pescou um peixe, qual não foi a sua felicidade…..

A comida é bastante boa aqui no norte embora se tenha que estar sempre bem atento, mas o Rica rica um tipo de molho picante vai colorindo todos os pratos, Peixe Rica Rica, porco rica rica … e é um molho verdadeiramente delicioso.

 

IMG_5356 (480x640)Ps – já li o meu 10º livro , Tânia Castanheira este livro tens que ler, é uma história  arrebatadora de uma criança envolvida numa história familiar assustadora – psicologia ao seu mais alto nivel

 

 

Sulawesi – wori 

Sulawesi

Sulawesi – wori

 

Estamos agora num hotel Cocotinos a norte de Manado – Sulawesi – wori  depois de 2 meses e meio a viajar este é apenas o nosso terceiro hotel, por isso a sensação é estranha… Agora parecemos turista e neste 2 meses não tivemos quase nada de turistas.

Fugimos de hoteis por várias razões não podemos passar 3 meses a pagar hóteis e queriamos estar o mais possivel metidos na cultura de cada país

Agora estamos num hotel com preços europeus e isso choca-me, nem consigo usar as coisas pois considero um exagero.

O preço das refeições é caro, as excursões também é isso não me convence.

Tentei procurar um sítio perfeito para amanhã passar o meu aniversário, mas confesso que é um sítio demasiado europeu para o meu gosto !!! Gosto de estar mais no meio da vivência de cada cidade e aqui estamos fechados num bonito hotel, mas afastados de tudo o que é a Indonésia.

SulawesiFica também uma nostalgia estranha de deixar os 38, e estar a caminhar para os 40 que me deixa assustada e nada feliz, adoro sentir-me nova, conseguir viver cada minuto, fazer de tudo e o aproximar dos 40 preocupa-me começar a perder isso.

Esta viagem conseguiu demonstrar-me que os sonhos são todos realizáveis basta conseguirmos soltar as amarras do dinheiro e não ter medo de não o ter, de deixar de o ganhar porque cada minuto vale mais que cada euro que ganhamos

Estes 38 anos não poderiam acabar de uma forma tão maravilhosa, só espero que me dê forças para uns 39 ainda mais aventureiros e sem medos !!!!

Perante isto a escolha do hotel tem tão pouca importância, só interessa continuar a sonhar e conseguir arriscar a cada dia da minha vida futura …..

Bye bye 38 anos.

Hello  Sulawesi – wori

Sulawesi – Minahasa beach

Com muita pena deixamos Bali e fomos para Sulawesi, todos com a sensação que deveriamos estar mais tempo em Bali.

IMG_5134 (640x360)Chegamos a Sulawesi, à cidade de Manado e o caos e o trânsito é total, demoramos a chegar à nossa casa 2 horas e acho que nem 50 km são, mas se soubesse o que sei hoje poderia ter estado 10 horas no trânsito.

Isto por começamos a nossa viagem por Sulawesi alugando uma vila no meio do nada, uma vila que me apaixonou na primeira foto que vi e que marquei enquanto jantava em Ubud, tinha só 3 dias livres e encaixava mesmo com o dia que chegavamos, todas as criticas eram magnificas por isso porque não.

E pela primeira vez na minha vida e desde que viajo que acontece chegar a um sitio e não sair de lá, literalmente, não coloquei o pé fora da vila.

A vila é de tirar a respiração, com uma infinity pool sobre um mar completamente transparente, 3 quartos lindos sendo que um dele está completamente sobre o mar.

Assim assentamos arraiais e não nos mexemos daqui lemos, mergulhamos, relaxamos e aproveitamos cada centimetro desta magnifica casa.

A casa incluia staff que nos preparava as refeições e a comida era uma verdadeira experiência Indonésia.IMG_5200 (640x480)IMG_5141 (480x640)

 

Não tenho muito para contar sobre estes dias apenas que não me podia sentir mais relaxada, a dormir ao som do mar e a comer.

As fotos não conseguem mostrar a beleza que esta villa tem, mas aqui ficam.

Todos deviamos ter direiro as uns dias assim !!!

Eu sinto-me realizada.