Terramotos na Indonésia

Estas férias tiveram alguns sustos mas nada do que está a passar Lombok com os fortes terramotos.

Um país como gente tão boa e que tanto sofre com causas naturais.

terramoto em LombokNo dia 29 de Julho ainda estávamos nós em kalimantu Lombok sofreu o 1 abalo – 6.4 e 30 mortes confirmadas.

Chegámos a ubud a 3 e no dia 5 estamos nós perto do palácio real quando ouvimos muitos gritos e toda a gente a sair dos locais. O meu primeiro instinto foi agarrar os miúdos e correr no sentido oposto.

Tudo me passou pela cabeça: pancada, bomba …  depois de tudo tranquilizar percebemos que era um terramoto. Não sentimos nada pois íamos na tua mas as pessoas que estavam dentro dos locais sentiram e muito – 6.9 e o único de uma mega destruição em Lombok que o mundo ignora e o governo da Indonésia tenta esconder.

terramoto em Lombok

1 hora depois uma réplica de 5.4 também não sentimos apenas vimos os copos e pratos a cair e pessoas a correr.

Os miúdos assustados e o David nem saída de perto.

Essa noite houve mais 2 réplicas que me fizeram acordar em ambas e que começa a assustar.

Os miúdos tiveram uma lição intensiva do que fazer nessas condições que espero que nunca mais esqueçam.

Este dia levou ainda não se sabe a quantas mortes, mas a uma total destruição em Lombok e a mais de 140 mortos.

Nos dias seguintes todos os dias havia réplicas  que se sentiam em Ubud.

No dia 7 quando fui tomar o pequeno almoço havia um casal que acabava de vir de Gili umas ilhas em Lombok e o pânico que passaram e as fotos que tinham era de pura destruição. Após o sismo de dia 5 e com a ameaça de um tsunami fugiram para o topo da montanha ( a ilha deles era a única que tinha um ponto alto) e dormiram lá ele é todos os que estavam nessas ilha a maioria turistas pois está ilha é um pequeno paraíso, no dia seguinte aventuram a descer para entender a destruição e as fotos que tinham era assustadoras.

A destruição da ilha é total, pegaram nas suas coisas e foram para a praia tentar sair de lá. Eles e todos os outros que passaram 6 horas à espera que algum barco se atreve- se a chegar perto para os resgatar. Já era quase noite quando a polícia autorizou o resgate e a entrada nos barcos era assustadora.

O pânico de ficar lá via- se nas caras de todas as fotos.

Chegaram exaustos às 3 da manhã e pela caridade do dono do hotel dormiram na casa deles a sem forças.

Nem tudo é paraíso e nós tivemos muita sorte pois nos nossos planos estava ir a Gili . Chegou a ser nestas datas, mas como amamos Ubud fomos ficando e adiando a ida a Gili. Há coisas que não tem que acontecer e este susto era uma delas.

Todos os dias penso que estando tão perto devia ir ajudar, mas a verdade é que é arriscado e nem saberia o que fazer.

Mas a ajuda precisa- se a a ajuda internacional não chega porque o governo indonésio não quer declarar calamidade de certeza para  não assustar o turismo que é tão importante para a Indonésia, mas a que preço.

Mas se quiserem ajudar , cada Euro pode fazer a diferença e aqui estão duas pessoas com mais coragem que eu, que estão em Lombok a fazer de tudo para ajudar.

Aqui fica a conta dele de instagram e a conta para onde podem transferir. Foi ele que me cedeu estas imagens que demonstram tanto o que se está a passar em Lombok. Obrigado RORY BROWN and Matty Ower

@rjbrowntown

http://@mattyower

https://www.mycause.com.au/page/182867/helping-lombok

E não pensem que é pouco o que mais falta é agua e são 0.10€ cada uma .

Imaginem o que faz 50€ .

Please follow and like us:
RSS
Follow by Email
Facebook
Facebook
Google+
http://www.dicasparaviajar.pt/terramotos-na-indonesia/
SHARE
YOUTUBE
Instagram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *